07 fev

Ata da Assembleia Ordinária da Associação Brasileira de Filosofia da Religião – ABFR, em 25 de outubro de 2017.

Aos vinte e cinco de outubro de dois mil e dezessete, na cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, no Auditório 239 do Edifício Bandeira de Mello, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, foi realizada a assembleia ordinária da Associação Brasileira de Filosofia da Religião (ABFR) e do GT de Filosofia da Religião da ANPOF, com a presença de 25 membros em 1ª convocação, às 18h, não tendo sido atingido o quórum de maioria absoluta. Às 18h30, deu-se início à assembleia em 2ª convocação, com os associados presentes, conforme lista anexa, tendo sido presidida por Maria Cristina Mariante Guarnieri e secretariada por Agnaldo Cuoco Portugal. Foi apreciada a seguinte pauta: 1) Prêmio John Templeton de Ensino de Filosofia da Religião – Resultado; 2) Relatório de atividades e prestação de contas 2015-2017; 3) Informes e deliberações sobre a Revista Brasileira de Filosofia da Religião; 4) Proposta de projeto para a Fundação John Templeton e temas para os congressos de 2019 e 2021; 5) Plano de despesas e valor da anuidade; 6) Eleição da nova diretoria e conselho fiscal; 7) Outros. Deliberações: 1) Foi anunciado o resultado do Prêmio John Templeton de Ensino de Filosofia da Religião. Em terceiro lugar, foi premiada a proposta apresentada pelo Prof. Dr. Antonio Glaudenir Brasil Maia, da Universidade do Vale do Acaraú, situada em Sobral-CE. Em segundo lugar, ficou a proposta do Prof. Dr. Sergio Menna, da Universidade Federal de Sergipe, em Aracaju-SE. O primeiro lugar ficou com a proposta do Prof. Luiz Helvécio Segundo, da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Os premiados expuseram brevemente o conteúdo das propostas apresentadas, à exceção do segundo colocado que não pôde estar presente no congresso. Ambos os premiados falaram da importância do prêmio no incentivo ao trabalho que vêm desenvolvendo na área de filosofia da religião e agradeceram a oportunidade oferecida pela ABFR, com o apoio da Fundação John Templeton. 2) O secretário, Prof. Agnaldo Cuoco Portugal, apresentou um relatório das atividades desenvolvidas durante o biênio, basicamente ligadas à realização dos projetos junto à Fundação John Templeton (“Filosofia Analítica da Religião no Brasil” e “Filosofia da Religião na América Latina”). Durante o período, foi concluída a compra de livros para três bibliotecas (UnB, UFOP, UNICENTRO), foram realizados dois eventos (sobre o problema do mal, na UFOP e sobre religião e ciência na Unicentro), deu-se continuidade à tradução dos livros que faziam parte do projeto. O secretário narrou dificuldades especiais em relação à publicação das traduções devido à crise econômica. Dos treze livros, apenas seis tiveram sua publicação encaminhada. Foi decidido que os associados Cecilia Cavaleiro de Macedo e Antônio Carlos Madalena averiguariam a viabilidade da publicação dos títulos remanescentes pela própria ABFR. O associado Luiz Helvécio Marques Segundo se dispôs a investigar a possibilidade de publicação pela editora da UFSC.  A tesoureira, Dra. Lilian Wurzba Yoshimoto, apresentou os saldos e os respectivos itens de despesa do período. No dia anterior a esta assembleia foi feita uma reunião de apresentação das contas para o conselho fiscal. Submetida à assembleia, a prestação de contas foi aprovada. 3) A professora Cecilia Cavaleiro de Macedo, Editora Responsável da Revista Brasileira de Filosofia da Religião apresentou relatório de atividades da revista desde 2015, quando foi nomeada pela assembleia para ocupar a função. Desde então, a revista passou de anual para semestral, tem recebido número significativo de artigos nacionais e internacionais. Foi apresentado levantamento de gastos para o próximo biênio: diagramação e editoração (R$3,300, por número), reestruturação da revista na plataforma SEER (R$700,00) e trabalho de secretaria (valor a ser combinado pela Diretoria). A proposta foi aprovada por unanimidade. 4) O secretário relatou restrições para projeto da Fundação John Templeton, especialmente ligadas ao pagamento de passagens e hospedagem. Sendo assim, propôs os seguintes itens no novo projeto, a ser apresentado oportunamente: reedição do prêmio de ensino de filosofia da religião; criação de um curso livre online para não especialistas; publicação de livros traduzidos do atual projeto; workshops e cursos de verão (com bolsas de participação para estudantes de pós-graduação e jovens professores). A proposta foi aprovada por unanimidade. Para o congresso de 2019 foi aprovado que acontecerá na cidade de Ouro Preto, vinculado ao tema Religião e esfera pública, tendo como um dos subtemas “religião e arte”. Para 2021, ficou decidido que será realizado na cidade de Fortaleza. O tema será decidido no congresso de 2019. 5) Em vista da necessidade de maior autonomia financeira da associação, foi aprovado o aumento do valor da anuidade para R$100,00. Não foi apresentado o plano de despesas. 6) Foi reeleita, por aclamação, para o Biênio de 2017 a 2019, a seguinte diretoria: Presidente: Maria Cristina Mariante Guarnieri, brasileira, casada, psicóloga, residente à Rua Viera de Morais, 74, apto.272, Campo Belo, São Paulo, SP, CEP: 04617-000, RG: 7862173-2 (SSP/SP), CPF: 107336648-06; Secretário: Agnaldo Cuoco Portugal, brasileiro, casado, professor universitário, residente à SQN 409, Bloco P, Ap. 106, Brasília, DF, CEP: 70857-160, RG: 842566 (SSP/DF), CPF: 416323111-00; Tesoureira: Lilian Wurzba Ioshimoto, brasileira, casada, psicóloga, residente à Rua José Gonçalves, 420, ap. 181, Vila Andrade, São Paulo, SP, CEP 05727-250, RG 6544042 (SSP/SP), CPF 258246588-70; Suplente: Luiz Felipe de Cerqueira e Silva Pondé, brasileiro, casado, professor universitário, residente à Av. Mercedes, 135,  ap. 71, Alto da Lapa, São Paulo, SP, CEP 05081-060, RG 38099771-X (SSP/SP), CPF 220043605-00 Foram eleitos, por aclamação, para o Conselho Fiscal, os seguintes associados: Titulares: Irênio Silveira Chaves; Deborah Vogelsänger Guimarães e Marciano Adílio Spica. Suplentes: Andrea Kogan, Flávia Santos Arielo e Sérgio Miranda. 7) Outros: a coordenadora do GT de filosofia da religião da ANPOF propôs atualização do núcleo de sustentação do GT em vista do fato de que muitos que constam atualmente não têm colaborado com o trabalho. A proposta foi aprovada. Nada mais havendo a deliberar, a assembleia se encerrou às vinte horas, sendo a presente ata assinada por Maria Cristina Mariante Guarnieri, que presidiu a sessão e Agnaldo Cuoco Portugal, que a secretariou.

 

 

Maria Cristina Mariante Guarnieri

Agnaldo Cuoco Portugal